Diabetes: guia essencial sobre a doença

mykenzie-johnson-4qjxCUOc3iQ-unsplash

De acordo com a International Diabetes Federation, entidade ligada à ONU (Organização das Nações Unidas), existem no mundo mais de 380 milhões de pessoas com Diabetes Mellitus no mundo.

Diabetes Mellitus é uma doença causada pela falta ou má absorção de insulina, que provoca um aumento da concentração de glicose no organismo.

A ausência total ou parcial da insulina no organismo interfere não só na queima do açúcar como na sua transformação em outras substâncias (proteínas, músculos e gordura).

Na maioria dos casos, a doença está associada a condições como obesidade e sedentarismo e pode ser evitada.

Neste artigo, nós vamos falar sobre o que é diabetes, quais as causas da doença, os fatores de risco, tratamento e se o plano de saúde cobre. 

O que é Diabetes Mellitus?

Diabetes Mellitus é uma doença crônica na qual o corpo não produz insulina ou não consegue usá-la para quebrar as moléculas de glicose e transformá-la em energia para o corpo. 

Se não for tratada adequadamente, pode provocar danos em vários órgãos, levar ao coma e até a morte.

Por favorecer o desenvolvimento de vários microrganismos e prejudicar a circulação sanguínea, a diabetes também pode causar infecções e dificuldade na cicatrização de feridas.

19 sintomas de diabetes

Caso você observe a ocorrência de mais de um desses sintomas é importante procurar um médico de sua confiança para investigar o diagnóstico de Diabetes Mellitus. São eles:

  1. Vontade de urinar e sede excessiva (decorrente da desidratação pela via urinária);
  2. Aumento do apetite;
  3. Alterações na visão;
  4. Impotência sexual;
  5. Infecções na pele e nas unhas ocasionadas por fungos;
  6. Feridas, especialmente nos membros inferiores, que demoram a cicatrizar;
  7. Neuropatias diabéticas provocada pelo comprometimento das terminações nervosas;
  8. Distúrbios cardíacos e renais;
  9. Fraqueza;
  10. Náuseas;
  11. Vômitos;
  12. Taquicardia;
  13. Sonolência;
  14. Confusão;
  15. Respiração ofegante;
  16. Pressão baixa;
  17. Febre ou temperatura baixa;
  18. Mau hálito;
  19. Dor ou sensibilidade abdominal.

4 tipos de diabetes

O Diabetes Mellitus é dividido em quatro tipos principais:

Diabetes tipo 1

No diabetes tipo 1, o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina. 

A doença surge, em geral, na infância e adolescência e é insulinodependente, isto é, exige a aplicação de injeções diárias de insulina.

O tipo 1 concentra entre 5 e 10% do total de pessoas com a doença.

Diabetes tipo 2

Ocorre quando as células do corpo se tornam resistentes à ação da insulina.

A doença surge, na maioria dos casos, a partir dos 40 anos de idade e reúne cerca de 90% dos pacientes que possuem Diabetes. 

Por isso, quem tem histórico familiar de diabetes deve tomar um cuidado maior e fazer exames periódicos para verificar a existência da doença, pois ela pode surgir em qualquer faixa etária e, em especial, na vida adulta.

Diabetes gestacional

Ocorre durante a gravidez e é provocada pelo aumento excessivo de peso da mãe.

Outros tipos de Diabetes 

Estão associadas a outras patologias como as pancreatites alcoólicas, uso de determinados medicamentos, etc.

8 fatores de risco para o diabetes

Os principais fatores para o surgimento de Diabetes são:

  1. Obesidade;
  2. Hereditariedade;
  3. Sedentarismo e falta de atividade física regular;
  4. Hipertensão;
  5. Níveis altos de colesterol e triglicerídeos;
  6. Uso de determinados medicamentos;
  7. Faixa etária acima dos 40 anos (para o diabetes tipo 2);
  8. Estresse emocional.

O que é pré-diabetes?

O pré-diabetes ocorre quando os níveis de glicose no sangue estão mais altos do que o normal, mas ainda não são o suficiente para um diagnóstico da doença. 

Obesos, hipertensos e pessoas com alterações nos lipídios estão no grupo de alto risco.

Cerca de 50% dos pacientes nesse estágio, provavelmente, irão desenvolver a doença.

O pré-diabetes é especialmente importante por ser a única etapa que ainda pode ser revertida ou mesmo que permite retardar a evolução para o diabetes e suas complicações.

Como evitar o surgimento de Diabetes Mellitus?

Muitas vezes, a causa do surgimento de Diabetes Mellitus é hereditária, isto é, o paciente com familiares próximos que possuem a doença têm mais chance de obtê-la.

Entretanto, há algumas formas de evitá-la, como praticar atividades físicas regulares e manter uma alimentação saudável rica em carnes magras, ovos, legumes, verduras e frutas. 

Como é o tratamento para Diabetes Mellitus?

O tratamento para Diabetes Mellitus varia conforme o tipo. Em geral, a doença é controlada com o uso de medicamentos e insulina injetável. 

Além disso, é importante que o paciente mantenha uma alimentação balanceada com níveis reduzidos de alimentos com açúcar na composição. 

A prática de atividades físicas também é extremamente recomendada aos pacientes para ajudar na manutenção do peso., uma vez que a obesidade é um fator de risco para a complicação da doença. 

O paciente com diabetes precisa fazer acompanhamento médico periódico, aferir a pressão arterial e monitorar os níveis de colesterol, triglicerídeos, glicose e insulina no organismo. 

6 principais complicações causadas por Diabetes Mellitus

  1. Nefropatia diabética: alterações nos vasos sanguíneos dos rins, reduzindo sua função lentamente e podendo levar a sua paralisação total;
  2. Retinopatia diabética: lesões na retina do olho, que podem causar sangramento e perda da acuidade visual;
  3. Neuropatia diabética: aparecimento de diversos sintomas como formigamento, dormência ou queimação das pernas, pés e mãos; desequilíbrio; enfraquecimento muscular; distúrbios digestivos; excesso de transpiração e impotência;
  4. Pé diabético: ocorre quando uma área machucada ou infeccionada nos pés desenvolve uma ferida que, se não tratado corretamente, pode levar a amputação do membro;
  5. Problemas cardiovasculares, infarto do miocárdio e acidente vascular: ocorrem quando os vasos sanguíneos são afetados, levando à obstrução de órgãos vitais como o coração e o cérebro;
  6. Infecções em geral.

Plano de saúde cobre Diabetes Mellitus?

Sim, o Diabetes Mellitus (CID 10 – E10) faz parte das doenças listadas no rol ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) que devem  ser cobertos pelos planos de saúde

Agora que você já sabe um pouco mais sobre Diabetes Mellitus e os cuidados a serem tomados para evitá-la veja também Doenças Autoimunes: o que são,  como funcionam, diagnóstico e tratamento

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Inscreva-se na nossa Newsletter