Imunização: importância da vacinação em todas as fases da vida

imunizacao

A imunização da população é primordial para o controle de doenças e aumento da qualidade de vida de forma coletiva. 

As vacinas são essenciais para um bom desenvolvimento do sistema imunológico.

Elas são importantes em todas as faixas etárias, isso inclui crianças e idosos, adolescentes e adultos.

É a principal forma de prevenir doenças, evitar internações e uso de medicações.

A OMS (Organização Mundial de Saúde) reitera que temos hoje 20 doenças imunopreveníveis e que as vacinas evitam três milhões de mortes por ano. 

Além disso, ao tomar uma vacina, a redução da circulação daquele agente, vírus ou bactéria, acaba protegendo também as outras pessoas que não se vacinaram.

As vacinas combatem agentes patogênicos (vírus e bactérias) que podem causar doenças em nosso organismo.

Elas aumentam nossa imunidade, protegem de determinadas doenças, evitando infecções e evolução para um caso mais grave.

Uma das provas da eficácia do uso delas é a possibilidade de erradicar doenças.

O que é imunização?

A imunização é uma forma simples, segura e eficaz de proteger as pessoas contra doenças nocivas, antes que entrem em contato com elas por meio da vacinação. 

Ela usa as defesas naturais do seu corpo para criar resistência a infecções específicas e tornar o sistema imunológico mais forte.

As vacinas treinam seu sistema imunológico para criar anticorpos, da mesma forma que quando é exposto a uma doença.

No entanto, como as vacinas contêm apenas formas mortas ou enfraquecidas de germes, como vírus ou bactérias, elas não causam a doença nem colocam você em risco de complicações.

Como a vacina é administrada?

A maioria das vacinas é administrada por injeção, mas algumas são administradas por via oral (pela boca) ou pulverizadas no nariz.

Qual é a importância da vacinação?

Quem não se vacina não coloca apenas a própria saúde em risco, mas também a de seus familiares e outras pessoas com quem tem contato, além de contribuir para aumentar a circulação de doenças. 

Tomar vacinas é a melhor maneira de se proteger de uma variedade de doenças graves e de suas complicações, que podem até levar à morte.

A maioria das doenças que podem ser prevenidas por vacina são transmitidas pelo contato com objetos contaminados ou quando o doente espirra, tosse ou fala, pois ele expele pequenas gotículas que contêm os agentes infecciosos.

Assim, se um indivíduo é infectado, pode transmitir a doença para outros que também não foram imunizados.

Adulto precisa se vacinar?

Sim. A vacinação na fase adulta é pouco explorada, porém é de grande importância. 

Temos que ter conhecimento das vacinas necessárias e que são oferecidas pela rede pública e as que encontramos na rede privada.

Os adultos não vacinados podem transmitir doenças para bebês, crianças e idosos.

6 vacinas que um adulto deve tomar

Segundo o Ministério da Saúde, a partir dos 20 anos você precisa se vacinar ao menos contra sarampo, caxumba, rubéola, hepatite B, febre amarela, difteria e tétano. 

Hepatite B

São três doses para quem não tomou durante a infância ou nunca teve a doença.

Você deve tomar a segunda dose um mês após a primeira, e a terceira, seis meses após a segunda.

Tríplice viral (SRC)

Protege contra sarampo, caxumba e rubéola. 

A dose é única e é contraindicada para gestantes e pessoas com imunidade comprometida. 

A rubéola é uma doença que pode prejudicar o feto quando acomete mulheres grávidas, portanto, é importante se vacinar antes de planejar a gravidez.

Dupla adulto (DT)

Protege contra difteria e tétano. 

São três doses iniciais: a segunda deve ser tomada dois meses após a primeira, e a terceira, quatro meses após a segunda.

Depois disso, é necessário tomar uma dose a cada dez anos, por toda a vida.

Febre amarela

No início de 2019, o Ministério da Saúde ampliou a vacinação para todo o país, devido ao aumento dos casos de febre amarela entre 2017 e 2018. 

Antes era indicada somente para quem morava ou ia viajar para lugares onde o risco da doença é alto. 

Por essa razão, de acordo com o risco epidemiológico, uma segunda dose pode ser considerada.

A vacina contra a febre amarela é contraindicada para gestantes e mulheres que estiverem amamentando.

Gripe

O vírus da gripe sofre mutações e a vacina é atualizada anualmente, portanto é importante se imunizar uma vez por ano.

A dose pode causar efeitos colaterais, mas são inferiores aos efeitos da doença.

Vacina contra COVID-19

Com a pandemia desencadeada pelo Coroanírus (Covid-19) e com a ocorrência de milhares de mortes em razão da doença, o Ministério da Saúde recomenda a vacinação para crianças, adultos e idosos. 

Quais são as vacinas importantes para idosos?

Pessoas acima de 60 anos devem tomar as seguintes vacinas: 

Gripe

A recomendação é que a vacina seja tomada anualmente, em decorrência da mutação do vírus que ocorre com frequência.

Pneumococo

A dose é única e protege de doenças graves, como pneumonia e meningite.

Vacina contra COVID-19

A vacina é recomendada especialmente para adultos e idosos, pelo elevado risco de morte ou complicações pela COVID-19

Se eu não sei quais vacinas tomei na infância devo me vacinar?

Sim. Se você perdeu sua caderneta de vacinação e não sabe quais vacinas já tomou, o melhor a fazer é considerar não ter sido vacinado, já que a repetição de doses não traz problemas. 

Entretanto, o ideal é fazer um controle. Por meio de um exame de sangue é possível afirmar se você está imunizado contra uma determinada doença. 

É importante lembrar que existem recomendações específicas, em casos como gestantes, pessoas com HIV positivo que apresentem os sintomas, entre outros.

Consulte seu médico para saber como proceder.

Como saber se estou com as vacinas em dia?

Para saber se você está com todas as vacinas em dia, o ideal é procurar um serviço de vacinação, público ou privado, com seu cartão de vacinas em mãos.

Caso não tenha o cartão, você pode solicitar seu histórico vacinal no posto de saúde que frequenta ou mesmo na clínica de vacinação da sua preferência.

No site da Sociedade Brasileira de Imunização é possível consultar o calendário de vacinação recomendado para cada faixa etária. 

Agora que você já sabe a importância da vacinação em todas as etapas da vida, conheça esse conteúdo que vai ajudá-lo a cuidar da sua saúde e a prevenir doenças: Fitoterapia, respondemos as 13 principais dúvidas.

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Inscreva-se na nossa Newsletter