Consultoria em saúde: o que é, benefícios e como escolher

docusign-7RWBSYA9Rro-unsplash

A consultoria em saúde surge como um suporte especializado para a gestão dos benefícios em saúde e dos trâmites contratuais entre a operadora e o contratante. Acontece que, a gestão em saúde é um campo que direta ou indiretamente todo e qualquer empresário e gestor irá lidar ao longo de sua atuação. Isto porque a saúde e segurança dos colaboradores também é responsabilidade da empresa. ISO, LGPD e segurança do trabalho são temáticas presentes para a estruturação e bom funcionamento de qualquer empresa, independente do seu porte ou campo de atuação.

Dessa forma, é comum que o profissional formado em administração, marketing ou tecnologia se veja obrigado a aprender mais sobre gestão de saúde. A necessidade acaba sendo ainda maior, se este for sócio ou atuar no setor administrativo, RH e áreas afins da empresa. Essa demanda consome o tempo em que este profissional poderia estar atuando em outro projetos e a falta de conhecimento na área pode torná-lo propenso a ter péssimas tomadas de decisão. 

É nesse ponto que surge a consultoria em saúde como uma parceira a fim de aprimorar a gestão da saúde da empresa. Assim, impacta positivamente do setor financeiro à qualidade de vida e produtividade dos colaboradores. A seguir você irá imergir no universo da consultoria em saúde e entender questões práticas e essenciais que permeiam esse serviço.

O que é consultoria em saúde?

A consultoria em saúde é um serviço prestado por uma empresa ou profissional especializado nos trâmites que envolvem a área da saúde. No qual, o prestador de serviço tem total conhecimento sobre leis, regulamentações e as operações que cercam a ANS, as operadoras, hospitais e laboratórios médicos.

Dessa forma, a consultoria em saúde é uma aliada essencial na articulação com todos os serviços de saúde privados. Especialmente por serem os primeiros a se atualizarem a cada mudança em leis, procedimentos ou condições que afetem o setor da saúde. Assim, possibilita que a consultoria negocie de forma mais assertiva e ofereça soluções antes mesmo que os problemas surjam.

O serviço de consultoria em saúde ainda se trata de um produto altamente personalizável que se adapta à demanda do seu contratante. De modo a mapear a saúde de colaboradores, doenças pré-existentes, e maus hábitos que possam comprometer os benefícios médicos e a corporação, entre outras demandas.

O que faz um consultor de saúde?

O consultor de saúde atua como um intermediário entre o seu contratante e os serviços de saúde privados. Dessa forma, é o responsável por realizar um diagnóstico de saúde empresarial que irá compreender a saúde do corpo de funcionários e mapear o seu impacto na saúde financeira da empresa. Desenvolve, assim, soluções customizadas para que os benefícios em saúde melhorem não só a qualidade de vida dos associados, mas a produtividade e a saúde financeira da empresa a longo prazo também. 

O papel do consultor de saúde também é gerenciar os benefícios de saúde. Logo, é responsável por negociar reajustes com base na sinistralidade e em inserir medidas de promoção à saúde que diminuam o impacto da sinistralidade na conta da corporação. Nesse caso, o consultor de saúde sempre estará associado a uma empresa de consultoria e a uma equipe de suporte ou gestão de risco. Assim, esse conjunto aplicará as medidas acertadas entre o consultor com a empresa e a operadora de saúde, sendo cada ação baseada em dados e pesquisas do cenário interno e externo.

Para que serve a consultoria em saúde?

A consultoria em saúde serve para promover uma gestão dos benefícios em saúde mais assertiva, impactando positivamente desde a saúde financeira corporativa até a qualidade de vida dos colaboradores.

A consultoria em saúde é formada por subprodutos que suprem o contratante com o suporte necessário para usufruir dos benefícios em saúde sempre atualizada com o macroambiente. Isto é, de acordo com fatores externos, a regulamentação da ANS, as leis e dominando os trâmites da área da saúde, o que possibilita uma negociação mais competitiva. 

Sendo assim, a consultoria em saúde serve para alimentar a empresa com diagnósticos situacionais do cenário interno e externo. Isso permite à corporação realizar tomadas de decisão mais assertivas com objetivos tangíveis, sempre por meio de um planejamento estratégico.

Benefícios da consultoria em saúde

Os benefícios da consultoria em saúde são inúmeros e se somam a uma gestão inteligente e precavida para melhorar a saúde financeira corporativa e a qualidade de vida dos colaboradores. Por ser um serviço altamente customizado e adaptável, a consultoria em saúde absorve aspectos subjetivos e práticos do corpo de colaboradores e de todo o contrato.

Entre os benefícios de contratar uma consultoria em saúde para sua empresa estão:

  • Negociação mais assertiva com as operadoras de saúde;
  • Melhora da qualidade de vida dos colaboradores por meio de ações de promoção à saúde;
  • Relatórios detalhados e diferenciados sobre a saúde dos funcionários e da gestão dos benefícios em saúde;
  • Economia a longo prazo aos cofres da empresa;
  • Análise jurídica de saúde;
  • Uso consciente e eficaz dos benéficos, diminuindo casos de licença médica;
  • Entre outros. 

Quais áreas podem se beneficiar da consultoria em saúde?

A consultoria em saúde é capaz de beneficiar todas as áreas de uma mesma empresa. De modo geral, a consultoria em saúde potencializa os benefícios que oferecer assistência médica e seguro de vida trazem para a sua empresa, pois ela diz respeito a um olhar analítico e a uma gestão de serviços de saúde mais assertivos.

A longo prazo o plano de saúde empresarial significa uma economia aos cofres da empresa e maior produção de lucro. Logo, ter uma consultoria na hora de gerenciar esse benefício e negociar diretamente com a operadora aumenta ainda mais a margem desse retorno.

Setores como RH, gestão de pessoas e endomarketing podem contar com as análises precisas da consultoria em saúde. O que permite dar continuidade às práticas e atividades de promoção à saúde baseada nas análises do perfil interno realizadas pela consultoria. Promovendo uso consciente do plano de saúde empresarial, realizando campanhas de apoio para combater tendências negativas como o surgimento ou agravo de quadros de hipertensão e diabetes.

O administrativo, o comercial e a contabilidade ganham maior previsibilidade de gastos financeiros com saúde quando se tem o apoio da consultoria. Isso pois há maior controle e redução do reajuste por sinistralidade, negociações mais competitivas e articulações mais flexíveis na hora de conseguir a liberação de um determinado procedimento para um beneficiário. Além disso, os benefícios em saúde são grandes atrativos na hora de contratar e reter profissionais de excelência. Eles podem ser cativados de forma inteligente por gestores e recrutadores através desses recursos. 

Quando contratar uma consultoria em saúde?

Existem dois momentos ideias para a contratação de uma consultoria em saúde. Antes de você se dar conta da necessidade desse serviço, o que ajudará na prevenção de crises internas envolvendo a gestão dos benefícios em saúde, da gestão de pessoas e até problemas econômicos provocados por cenários internos. 

Mesmo ao optar por esperar uma crise para tomar essa decisão, muitos gestores ainda terão dificuldade em compreender que esse sinal indica a necessidade de uma consultoria em saúde. Assim, tal percepção errônea pode acabar adiando o investimento na real solução enquanto tentam saná-la internamente.

Entre os sinais típicos de que está na hora de contratar uma consultoria em saúde está a alta sinistralidade do plano de saúde empresarial. Além disso, a alta evasão de colaboradores que acabam optando por trocar de emprego, não necessariamente em função do salário ou cargo, mas dos benefícios oferecidos. 

A frequência cada vez maior de funcionários enfermos ou que desenvolvem quadros clínicos típicos da função exercida também são sintomas dessa questão. Assim como, a baixa produtividade, e a dificuldade em negociar e compreender questões técnicas, sinais que tendem a surgir primeiro.

4 dicas para escolher uma consultoria em saúde

A primeira dica para escolher uma consultoria em saúde é realizar uma reflexão primária a respeito do momento atual vivido pela sua empresa. Por isso, considere as principais características da sua empresa e os valores que ela busca transmitir para o mercado e o público em geral. 

Ao pesquisar por consultorias em saúde, avalie aspectos como se a empresa pretendente tem experiência com empresas do seu segmento. Inclua ainda variáveis como experiência com seu porte empresarial, cases de sucesso e o suporte dela no estado de sua atuação.

Além disso, não hesite em ir com calma: as consultorias terão a devida cautela em compreender o seu cenário e apresentar suas argumentações. Sendo assim, busque construir um comparativo delas, realize mais de uma reunião antes de efetuar a contratação, tire suas dúvidas e busque entender mais sobre o fluxo de trabalho de cada uma.

Por último, depois de definir a consultoria em saúde parceira, avalie com o seu jurídico o contrato e se assegure de ter estipulado nele tudo o que foi acordado na reunião, sobretudo, as primeiras metas avaliadas e definidas em conjunto. Isso o ajudará a compreender a efetividade do serviço para saber o que precisa ser entregue para que o contrato seja renovado posteriormente.

Vamos recapitular as dicas de como escolher uma consultoria em saúde?

  1. Pesquise por consultorias que tenham experiência com empresas do mesmo segmento e porte empresarial que o seu;
  2. Priorize consultorias que ofereçam um suporte amplo para o seu estado e necessidades;
  3. Não hesite em realizar reuniões, tirar dúvidas e conhecer a fundo os cases de sucesso e superação da consultoria pretendente com seus cliente;
  4. Estude o contrato e defina metas a serem alcançadas para que a parceria seja renovada.


Uma das maiores responsáveis por levar empresas a cancelarem benefícios em saúde ou regredirem a cobertura dos benefícios é a sinistralidade. Que tal aprender mais sobre como tornar esta vilã da gestão de benefícios em uma aliada?

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Inscreva-se na nossa Newsletter